TOCANTINS: Avião que era usado por quadrilha de tráfico de drogas é doado para o Tocantins

Foi doado nesta última quarta feira (5) para a Polícia Militar do Tocantins  um avião de pequeno porte que vai apoiar operações das forças de segurança no estado. A aeronave tinha sido apreendida em 2015 durante a operação Hybris, da Polícia Federal. O equipamento pertencia a uma quadrilha de tráfico internacional de cocaína.

O avião estava com a Justiça Federal, que aceitou a sugestão do Governo do Tocantins de que a aeronave passasse a ser utilizada no combate a organizações criminosas. Se trata de um Cessna 210 com capacidade para transportar seis pessoas e autonomia de voo de nova horas. A aeronave chega a até 300 km/h e será utilizada para levar apoio as locais mais distantes de Palmas durante operações da polícia.

aviao_620x465_pf_assessoria.jpg

Como é tradição da aviação, o monomotor foi batizado por um arco de água de dois caminhões da Brigada de Combate a Incêndios do aeroporto de Palmas. O avião é considerado versátil e de baixo custo de manutenção. Ele será plotado com a identidade visual da PM antes de entrar em operação.

Também foi entregue na cerimônia um caminhão tanque-abastecedor com capacidade de 400 litros de combustível. Ele será utilizado no abastecimento da frota da Companhia Independente de Operações Aéreas (Ciopaer).

SOBRE A AERONAVE:

Cessna 210 é uma econômica aeronave monomotor a pistão de asa alta, de construção convencional metálica e trem de pouso retrátil, com capacidade para transportar com razoável conforto um piloto e cinco passageiros em viagens intermunicipais e interestaduais (rotas domésticas), tem autonomia de voo de nova horas.

A aeronave chega a até 300 km/h foi fabricada nos Estados Unidos desde a década de 1950 e produzida até a década de 1980 pela fabricante norte-americana de aeronaves executivas Cessna Aircraft Company, atualmente de propriedade da corporação Textron Company

Anúncios

portalaraguaiacom

Notícias sobre Ananás e toda sua região do Bico do Papagaio

Deixe uma resposta

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: